InícioFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seLogin


Compartilhe | 
 

 Minha passagem pelo Final Round

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Inso
Dead Apostle
Dead Apostle


Mensagens : 1213
Reputação : 302


MensagemAssunto: Minha passagem pelo Final Round   24.04.13 22:53

Ok, demorei tempo até demais pra escrever isso, mas enfim, vamos lá. Tô puxando da memória, o que quer dizer que posso ter confundido algumas informações mas o que importa é o espírito da coisa.

Pra quem não sabe, viajei junto com o Bluelink, e chegamos lá três dias antes do evento, mas isso provavelmente não interessa a ninguém.

Quinta-feira

Esse foi o dia em que saímos do hotel mais barato e fomos dividir o quarto com o Shinsyn e o Miller no Hilton, onde era o evento. O Blue disse que o Shinsyn ia chegar no hotel tipo 13h, mas esse era o horário que ele chegava no aeroporto(!), e na troca de mensagens dizendo "te encontro no lobby" demorou até perceberem que não estava falavando do mesmo lugar. Mais de uma hora depois ele aparece no hotel, lol. Nisso o quarto estava no nome do Miller, que ia chegar só no fim do dia, mas não sei como, depois de uma conversa com a atendente, o Shyn conseguiu a chave do quarto. Saímos pra comer num lugar que era tipo um Subway menos saudável, lá a gente conversou sobre a vida, alguns jogadores que vinham, e nem lembro mais o que. Cara era muito gente boa, e tinha um tom meio didático quando falava de persona. Voltamos pro quarto e já fomos montando um dos setups pra jogar e logo vi que ele mandava muito bem de Yu, era difícil ganhar partidas. E finalmente o Blue jogou comigo sem ser obrigado! Depois de eu ter chamado ele no mínimo 10 vezes e ele ter recusado todas!!! Notei pelo horário que já dava pra pegar os crachás do evento e sugeri da gente ir lá, e o pior era que já tinha uma fila considerável. Foi mais ou menos nessa hora também que encontramos o Combofiend, conhecido do Blue. Ele me apresentou, e o Combo ficou impressionado quando soube que eu viajei do Brasil pra jogar Melty, lol. Respondendo tweets na fila o Shyn acabou se esbarrando com o Lesser Kawaii God (LKG) e ele voltou com a gente pro quarto. Mais um jogador de Yu e gente finíssima.

Não me lembro em que altura o Eshi (jogador de Liz/Labrys) chegou no quarto, mas logo tínhamos dois setups pra jogar, outras pessoas foram aparecendo e em um ponto tínhamos uns 4 jogadores de Yu no quarto (grupo batizado de Narukarmy). De longe eu era o pior Yu de lá, apesar de identificar vícios no jogo dos outros e ter uma ideia de como me aproveitar disso, eu errava alguma punição ou tomava farofa qualquer e acabava perdendo sentindo que poderia ter ganho, ou seja, nada novo até aí. Tomei estupro de Liz pra variar, do Eshi, mas defendi praticamente tudo que a Labrys dele fazia (offline, ha!). Mas em geral eu fiquei mais observando do que jogando, até porque um dos setups era Xbox, e eu sentia que devia deixar os jogadores de P4 jogarem entre si pra trocarem figurinhas, porque embora eu quisesse aprender, eu não levava o jogo a sério e no outro dia ia ter campeonato. Até aí, não tinha conhecido nenhum jogador de Melty pra arrastar pro meu netbook e jogar, lol.

Em algum momento o Miller chegou e eu tive a chance de jogar contra ele, ele é um top Yosuke dos US, não só porque ele tem a manha mas basicamente porque ninguém mais joga com o personagem. Quatro no Narukarmy mas só um dos Brosukes. Enfim, não lembro se ganhei uma luta sequer, acho que não. Pessoal foi até tarde da noite, Miller e o Bluelink dividiram a cama (ui!) enquanto eu (tentei) dormi na poltrona e o Shinsyn no chão.

Ponto alto do dia foi o Yipes entrando por engano no nosso quarto, e quando a gente respondeu que era quarto de persona ele perguntou "alguém de Mitsuru?", LAWL. (se não me engano foi nesse dia)

Sexta-feira

Eu acordei cedo porque tinha falado pelo Dustloop com uns caras que iam fazer dual mod no meu Hitbox, e eles disseram que iam estar lá assim que o evento abrisse, e que era bom pegar lugar cedo na fila porque levava uma hora por mod. Que inocente que eu fui. Cheguei lá devia ser 9h e nem sinal dos malucos. Por um lado, foi engraçado sentar no lobby brincando com meu cel até aparecer um cara que me perguntou coisas sobre o Hitbox, começamos a conversar, e de repente quando eu notei éramos umas 6 pessoas discutindo sobre vários jogos diferentes. Dentre esses seis estava o ShinsoBEAM, cara muito legal e que veio pra jogar Melty, KOF e SFxT... sim, estranha combinação. Depois de um bom tempo trocando figurinhas com o pessoal, eles se dvidem pra jogar e eu resolvo olhar um pouco dos outros jogos. É muito estranho passar por gente que você viu tantas vezes em stream e se segurar pra não dar oi porque vocês não se conhecem.

Acho o Shinso de novo e ele está com o Voomer, e de repente aparece um wild Silent Shinobi e a gente segue ele até a sala onde vai ser Melty. Ele abre a sala, eu sento pra jogar com o Shinso e ele me vem com uma C-Sacchin... Ando meio mundo e o primeiro char que eu enfrento é a mesma que o Mts e o M1kan jogam. Mas, enquanto todo mundo está jogando casuais, eu decido ir ver se os caras chegaram e eles estão lá finalmente. Quatro horas pra terminarem o mod. Bom, eu saio pra almoçar sozinho pela primeira vez em dias porque o pessoal do quarto tá cada um em um canto, e volto pra olhar casuais e o começo das pools do Melty, logo após um anúncio do Shinobi dizendo que ele roda Melty desde 2000 e guaraná de rolha no Final Round, que ele gostaria de não ficar sem voz dessa vez então o pessoal da pool devia ficar por perto pra ouvir quando ele chamar. Ouvi dizer também que o Lord Knight decidiu vir de ônibus e por isso não ia conseguir chegar a tempo da pool dele. Fiquei chateado e um pouco aliviado, ainda lembrava da surra do HoH, e apesar de por um lado não ter a chance de jogar com ele no torneio, era um jogador forte a menos hehe.

Só olhando as partidas já notei que algumas pessoas tinham um nível muito bom, e que não ia ser nada fácil chegar longe nesse torneio. Peguei de volta meu Hitbox e fui jogar mais um pouco pra testar ele e aquecer, dessa vez contra o Voomer, que jogava de C-Nero, mesmo char que o Saikyo de Porto Alegre... Posso dizer que ele foi o primeiro Nero que enfrentei que usava direitinho as ferramentas do personagem. Apesar de estar errando algumas coisas, eu estava jogando tão bem quanto eu poderia pra ocasião, então aproveitando que nossa pool era a última às 20h, eu e o Blue saímos pra comer algumas coisa às 19h, forçando a nossa sorte.

O campeonato de Melty

Voltei a tempo e minha primeira partida das pools quase foi contra o Bluelink. Falei com o Shinobi que nós dois éramos do Brasil e que ele foi jogado de qualquer jeito na pool porque entrou de última hora, e ele trocou as lutas. Enfim, minha primeira partida acabou sendo contra um jogador iniciante, não lembro exatamente qual char ele usava agora, mas lembro que eu não precisei jogar com instinto assassino. A segunda partida foi contra um H-Roa, fiz o possível pra matar ele rápido porque esse char é muito enjoado, não quis dar nenhuma chance pra ele, ou seja, mentalidade completamente contrária da primeira luta.

Agora não lembro de outras partidas, mas se não me engano foi contra o ZomB a Winners finals da pool, primeira H-Akiha que já enfrentei, e primeiro jogador realmente forte que peguei no camp. Ele tinha um setplay no canto que consistia em jogar o cara pro chão no combo aéreo cancelado em esquiva, podendo cair nas costas ou na frente. Mais tarde eu fui lembrar que ele era uma das pessoas que estavam tentando reviver Melty no país, já tinham me falado bastante dele no dia anterior por ser um bom jogador de Chie e ele inclusive tinha entrado no nosso quarto uma hora. No fim, ele tinha alguns vícios que eu consegui usar a meu favor como abuso de backdash no wakeup, e eu não achei difícil defender os mixups ou sair da pressão dele. Mas interessante o nível pra alguém que joga só a um ano, no fim ele conseguiu sair da pool e pegou top8 também.

Eu já estava feliz de ter chegado ao top8 ainda na winners, e me sentia muito bem mentalmente, nada do nervosismo que eu senti no HoH, estava conseguindo manter um jogo seguro e escolhendo bem os poucos riscos que eu tomava. Talvez estivesse fazendo um jogo muito convervador no neutro, mas não sei se jogaria melhor de outra forma. Nesse meio tempo noto que o Lord Knight tinha chegado e estava fazendo praticamente um Kumitê com o pessoal do Persona que também estava na sala, havia também um setup de Blaz e de Guilty lá. O cara me viu, me chamou pra um abraço gritando "Insoooow" (lol) e a gente trocou umas ideias. Ele me contou que chegou a tempo das pools dele e que tava no top8 também. Me convidou pra entrar no Kumitê e jogar contra ele, mas eu falei pra ele que não era uma boa porque eu era mt nóbe no jogo.

Top 8

Primeira partida do top8, MadScientist com sua C-Sion, e eu lembrei do pedido do Arkhar e do Mts pra eu jogar com Nanaya negão, lawl. Nunca mais joguei contra uma C-Sion desde o cadenza, quando conhecia ela bastante por jogar contra o Cristu e o M1kan, então eu tinha certa ideia do que ela podia fazer e como funcionavam seus golpes. Já tinha observado o Mad jogar e sabia que ele fazia um bom uso do DP dela, mas me surpreendi por ele não ter usado nenhuma vez no wakeup contra mim. Ao invés disso ele fez bom uso de Heat defensivo, tomei várias vezes e não consegui punir uma. Tomei todos os overheads que eu achava ter ganhado imunidade com o passar dos anos. Pois é, quem sabe um dia. Quando vi que ele tentava me caçar com a corda no neutro, tentei fazer ele vir pra cima carregando barra, mas não quis arriscar muito também. Fui um pouco mais consistente que ele e acabei levando as duas partidas, embora ambas no último round possível quando os dois estavam por um sopro.

Quando o Mad dropou um combo e capitalizei no último lance do set, o LK tava atrás com um sorriso dizendo "You're so lucky!! That was so lucky! You had that Heat though!" e eu meio sem palavras porque tinha passado pro top3. Ele disse que eu joguei bem e tinha ganhado do melhor jogador do Canadá, e eu brinquei que isso explicava ele usar um teclado, mas estava impressionado de ter chegado tão longe no torneio.

Eu vi a partida na losers do Mad contra o Voomer, estava em dúvida sobre quem iria ganhar porque os dois jogam muito bem, mas o Mad tomou algumas decisões ruins como esquivar ou pular na hora errada, e começou a tomar prejuízo por causa disso. O Voomer também é bem cara de pau na hora de apertar botões, conseguiu cortar a pressão do Mad algumas vezes, deixando ele bastante inseguro quando pressionava e sem uma resposta de verdade pros botões do Voomer. No fim o Voomer levou 2-1, mas eu acho que o Mad poderia ter ganhado se tivesse apelado mais pra overhead nos momentos chave em que estava com a pressão.

Winners finals

Então chegou a hora de jogar contra o LK na winners finals, salty runback com ambiente muito parecido, só que dessa vez os fatores que eu senti que me atrapalharam na outra vez, como nervosismo e ter ganhado por WO a partida anterior, não estavam lá. Estava mentalmente bem e não ia deixar meus erros me afetarem. E ainda bem, porque erros não faltaram. Acho que essa foi a única partida em que um neutro mais ofensivo poderia ter me beneficiado, especialmente porque eu notei que ele não estava tão sólido quanto da outra vez, perdeu muitas oportunidades de me punir e teve erros de execução que me deixaram ganhar um round, coisa que eu não consegui no Brasil.

Perdi a primeira partida por pouco e senti que poderia ganhar com F-Nanaya dessa vez se eu tivesse boas leituras e não tomasse tantos agarrões de comando. Contrariando minhas esperanças, a segunda partida acabou num piscar de olhos, com um perfect no segundo round. Nisso eu voltei pra tela de seleção cogitando arriscar um C-Shiki pra tentar virar o jogo, mas eu decidi que era melhor ir até o fim com o Nanaya e de certa forma fico feliz de ter tentado, porque consegui colocar ele no canto e aplicar vários mixups seguidos que me fizeram roubar outro round. Mas apesar de aprender que ele também podia sangrar, no fim ele ganhou a partida de novo pois eu já estava com medo dos agarrões e apanhando tentando pular fora do alcance. E erros, vários erros. Um 0-3 deveras desestimulante.

Losers finals

Mas era isso, eu contra o Voomer na losers finals. Eu estava confiante porque tinha jogado um bom set de casuais contra ele e peguei várias notas mentais do que fazer ou não fazer. Exatamente por a gente ter jogado antes, nossas partidas foram muito estranhas pra observadores porque já tinham algumas camadas de yomi. Gastei muito tempo tentando pescar um heat da parte dele, mas quando pesquei não puni como deveria. Fiquei mindfucked quando ele ganhou desrespeitando meu setup de rekka IH crossup, coisa que eu achei que já tinha ensinado ele a respeitar nas casuais, e foi bem num posicionamento que eu encaixei perto do canto deixando ambíguo o lado eu ia sair (chuif). Frustrei bastante com isso, mas a raivinha (lol) fez eu me concentrar e consegui virar as partidas, inclusive com shield num Heat dele que deixou o LK hype. Mais tarde o LK ia me contar que o Voomer confidenciou que não achava que ia conseguir ganhar de mim. Sei bem como é isso e fiquei meio orgulhoso por ser eu a causar essa impressão em outra pessoa pra variar.

Grand finals

"Você de novo? Não cansa de me destruir não?" perguntei pra ele quando ele sentou pra jogar, e ele riu. Decidi chutar o balde e pegar C-Shiki mesmo, eu tinha afinal uma ou duas partidas pra tentar táticas de guerrilha (peguei cor negão albino, pra não falhar com meus compatrioras). Uma das vantagens desse personagem é que ele tem pokes rápidos e de bom alcance pra contestar a pressão da Kohaku e deixar ela com medo de tentar resets e agarrão (coisa que o F-Nanaya não tem, me obrigando a reagir com pulo ou backdash), tem capacidade de confirmar hits aleatórios e não é papel como o Nanaya. Por outro lado ele não tem mixups tão bons, e eu não tenho tanta experiência em torneios nem controle excepcional do personagem, o que me fez errar várias tentativas de mixup e blockstrings. Eu literalmente tinha que parar tudo e pensar exatamente na sequência de comandos que eu queria fazer senão eu me atrapalhava, e mesmo assim era difícil acertar o tempo das coisas. Depois das finais do Heaven or Hell, eu tive chance de jogar 3 casuais contra a Kohaku do Lord Knight de Shiki, e ele ganhou as 3 também, então eu não estava muito confiante que a mudança ia ser muito eficaz. O Shinobi disse que o campeão teria que ficar pra uma FT5 com o chefe secreto do campeonato, e ninguém tinha dúvida de que seria o mestre Sp00ky, the Godfather, que chegou no meio das partidas.

E eu comecei bem apesar de ter que me ajustar ao personagem, basicamente porque o LK demorou pra se ajustar mais do que eu. Eu estava conseguindo enxergar os buracos e quebrar a pressão dele, enquanto eu sentia que ele estava me respeitando mais do que eu merecia e apertando botões nas horas erradas. Ele realmente não estava preparado pros agarrões aéreos colados no chão que são minha marca registrada, nem pro j.22C que eu tentava jogar no neutro pra pegar um counter. Ficou bastante mindfucked quando eu contrashieldei o shield dele, reflexo de um tempo que eu fiquei treinando essa bobagem, mas que foi muita sorte eu ter acertado. Eu senti também que ele ficava meio irritado a cada poke meu que quebrava a pressão dele. Assim, tomando menos agarrões de comando e dando mais trabalho no jogo neutro, surpreendentemente meu Shiki fraudulento estava ganhando partidas e frustrando ele, chegou a ficar 2-0 pra mim graças a uns timeouts muito acirrados, e foi quando ele começou a acordar e punir coisas que estava deixando escapar em rounds anteriores.

Infelizmente, controlar C-Shiki estava ocupando muito do meu cérebro e não consegui aproveitar algumas oportunidades de punir o auto-spark, que é uma das coisas que eu mais gosto de fazer quando jogo contra lua H. Também não tive controle pra escolher hitconfirms otimizados pra determinadas situações, ou aplicar o mixup que queria algumas vezes, e acabou que no 2-2, com um round pra cada, eu tomei o último agarrão de comando e o campeonato era dele. Mas era isso, consegui chegar perto do que eu sei jogar dessa vez, e não tinha por que ficar chateado. Era de certa forma uma vitória.

Eu me virei pra apertar a mão dele dizendo "Dammit, Steve!" e na mesma hora ele virou com "You *** brazilian, you!". Logo depois o Sp00ky sentou pra jogar com o LK porque tinha que voltar rápido pra cuidar do seu stream, e enquanto tentava lembrar como usar seus setups e etcs em uma partida de verdade tomou uma sova do LK, como todo mundo já esperava. Ainda assim o Shinobi e o Generic Superhero aproveitaram a chance pra fazer FT3 contra a legenda viva de Melty, e logo após isso nos correram da sala. Nesse meio tempo eu tive a chance de conversar um pouco com o LK, ele me disse pra investir mais no Shiki porque ele tem dano e é forte no neutro, combina mais com meu estilo de "desacelerar o jogo neutro". Senti que passei de ilustre desconhecido a ter o respeito de toda a sala depois da final, uma sensação muito boa embora eu não concorde muito com essa diferença de tratamento baseado em resultados. Eu esperava que todos tivessem vontade de jogar comigo mais por eu ter vindo do outro lado do continente do que por outra coisa, mas enfim. O MadScientist veio perguntar pra gente até quando íamos ficar e convidou pra jogar nos outros dias do evento.

Considerações

Difícil dizer o que eu ter tirado segundo lugar significa, sendo que poucos dos jogadores realmente experientes de Melty estavam lá, mas posso dizer que, pra mim, os fatores que me fizeram chegar longe foram meu jogo seguro, quão pouco o nervosismo me afeta comparado aos outros e a falta de conhecimento do matchup, muitas opções do Nanaya são anuladas se você entende o que está acontecendo. Em casuais contra esse mesmo pessoal, eu pude comprovar que a diferença era muito pouca e que não era difícil outro ter pego segundo lugar. Gostaria muito de ter a oportunidade de jogar com os cabeções de Melty, como um dia foram o Bell, Zar, Tonberry, Jiyuna e vários outros que conheço só por vídeos ou como um nome na internet, tanto pela experiência única quanto pra medir meu avanço no jogo. Porra, queria ter jogado mais com as pessoas das outras pools também, mas foi a hora que deu pra modar meu Hitbox. Mas enfim, o LK disse que só ele e o Tonberry mantém algum contato com o jogo dentre o pessoal das antigas, todos os outros pararam de jogar por um motivo ou outro, então mesmo que eles estivessem lá não estariam na sua melhor forma. Se eu ganharia deles ou não, achei melhor pensar que eles são tão grátis que nem aparecem mais em campeonatos, então pouco importa. Alguns são céticos quanto a esse resultado ser indício de eu ser bom, ou do nível do Brasil em relação a outros países, e eu seria o primeiro a dizer que resultados de campeonatos são amostras fracas pra tirar esse tipo de conclusão, mas eu tenho certeza que o pessoal daqui que tem nível podia ter feito até melhor que eu. Acho que dificilmente vai haver outra oportunidade de vermos Melty como jogo principal de um Major americano, mas quem puder eu recomendo que vá roubar o dinheiro dos americanos (U$90, UHUUUU!)

PS: demorei um tempo considerável pra escrever isso, então vou deixar pra escrever sobre os outros dois dias quando tiver um pouco mais de tempo.

_________________
Faça o que você pode, domine o que você faz.

Voltar ao Topo Ir em baixo
mikan
Living Dead
Living Dead


Mensagens : 269
Reputação : 53


MensagemAssunto: Re: Minha passagem pelo Final Round   25.04.13 2:55

caralho que livro, nem fodendo que eu vou perder meus 15 min de pc na semana para ler isto '-', fica pro fds =x
Voltar ao Topo Ir em baixo
Luk Dehuri
The Dead
The Dead


Mensagens : 25
Reputação : 11


MensagemAssunto: Re: Minha passagem pelo Final Round   25.04.13 2:57

Obrigado por compartilhar. Sou iniciante mas fiquei sabendo desse Final Round e acompanhei o stream que o LK fez comentando as partidas. Deve ter sido uma experiência e tanto. Bom ter visto seu lado das coisas - apesar de que muitos nomes que foram citados infelizmente desconheço.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Mts
Living Dead
Living Dead


Mensagens : 278
Reputação : 65
Estado : SC
Cidade : Florianópolis
Deseja jogar MB online : Não
Deseja jogar MB offline : Sim


MensagemAssunto: Re: Minha passagem pelo Final Round   25.04.13 12:57

FODE SIM, NANAYA NEGÃO ORGULHO DA NAÇÃO!

Pena que o Inso é free. Mas valeu por nos representar lá!



POW POW BLACK POWAH!


Kisses ;3
Voltar ao Topo Ir em baixo
Tyrr
Vampire
Vampire


Mensagens : 449
Reputação : 49
Estado : RJ
Cidade : Niterói
Deseja jogar MB online : Sim


MensagemAssunto: Re: Minha passagem pelo Final Round   25.04.13 14:56

Inso escreveu:
Ponto alto do dia foi o Yipes entrando por engano no nosso quarto, e quando a gente respondeu que era quarto de persona ele perguntou "alguém de Mitsuru?", LAWL. (se não me engano foi nesse dia)
Ri litros.
Demorei um pouco mas consegui ler essa epopéia toda.

_________________

"Na batalha, o medo não é necessário. Nada de bom virá disso."
Voltar ao Topo Ir em baixo
Zen
Bitten Human
Bitten Human


Mensagens : 18
Reputação : 3


MensagemAssunto: Re: Minha passagem pelo Final Round   25.04.13 16:51

Po, eu achei bem interessante fui lendo até terminar e depois vi o tamanhão. Superstar way to go.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Arkhar
Living Dead
Living Dead


Mensagens : 344
Reputação : 103
Estado : MG
Cidade : São Joaquim de Bicas
Deseja jogar MB online : Sim
Deseja jogar MB offline : Sim


MensagemAssunto: Re: Minha passagem pelo Final Round   27.04.13 2:08

Brasil > Canadá

Inso foi lá e pegou a grana do lanche dos gringos \o/
Bem vingado, bem vingado.
Muito bom o texto Insone. Deu pra ter uma idéia de quão foda foi estar lá.
Justamente essa questão de comparar "nível", que eu queria saber de você. Como tá a gente aqui comparado com os caras de lá. Mas, como vc falou, é complicado analisar essas coisas em campeonato =x

BRASIL > CANADA11!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Inso
Dead Apostle
Dead Apostle


Mensagens : 1213
Reputação : 302


MensagemAssunto: Re: Minha passagem pelo Final Round   27.04.13 5:19

Então, teve um cara lá (DarkFlameMaster, do Canadá, Arcão!) que ganhou do meu Nanaya em casuais jogando de F-Akiha, eu perguntei por que ele não tinha passado pro top8 e ele me disse que foi nervosismo. O Butterfree/VietGeek foi um cara que ficou literalmente pau a pau comigo, jogava todas as luas do Nanaya e talvez por isso conseguia enxergar melhor meus mixups e sair deles mais fácil. Nas casuais contra o Madscientist e Voomer no outro dia também foi beeem parelho, eu ganhando por umas 2 partidas quase sempre, variando conforme diferentes personagens. Acho que Mad me ganhou um set de F-Sion tb.

Tanto o DarkFlame quanto o Vietgeek não sairam das pools, empatados em 13º lugar. Por isso que eu falo que torneio é difícil você tirar uma conclusão assim, porque são sempre amostras de tempo e X contra Y. Equivalene a eu pegar o M1kan e o Cristu em sequencia, perder pros dois e ficar em último lugar, enquanto o Saikyo não pega ninguém muito forte no caminho e fica no top4. Só olhando pelo resultado os 3 seriam extremamente melhores que eu, mas não é bem assim.

_________________
Faça o que você pode, domine o que você faz.

Voltar ao Topo Ir em baixo
caiooa
Vampire
Vampire


Mensagens : 747
Reputação : 116


MensagemAssunto: Re: Minha passagem pelo Final Round   27.04.13 14:12

bem, tinha lido pelo hitconfirm antes de ver aqui :p. Muito bacana poder ler sobre sua experiência.
Voltar ao Topo Ir em baixo
IradoDoom
The Dead
The Dead


Mensagens : 46
Reputação : 6


MensagemAssunto: Re: Minha passagem pelo Final Round   27.04.13 19:36

Parabéns pelo seu ótimo desembenho no campeonato, Inso, e obrigado por compartilhar sua experiência.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Inso
Dead Apostle
Dead Apostle


Mensagens : 1213
Reputação : 302


MensagemAssunto: Re: Minha passagem pelo Final Round   19.06.13 18:24

Voltando com a prometida parte 2 do meu relato, algumas imagens que esqueci de colar antes.


Tirada da sala de Melty na sexta. À direita vocês enxergam o BlueLink, atrás dele ao fundo de óculos em pé o
Silent Shinobi, as pessoas sentadas no canto esquerdo  da foto eram o LK e outros jogando BB/P4.

 

OK, buscando um pouco fundo na memória agora, posso estar realmente confundindo o tempo dos acontecimentos. Ainda na sexta, depois do campeonato ter acabado, eu voltei pro quarto e tinha uma galera lá pra Persona, três setups e gente esperando pra jogar. Por essas que o quarto ficou conhecido como "The Persona Room". O Shyn me parabeniza pelo segundo lugar logo que eu entro. A certa altura o LK entra no quarto e o LKG pede pra jogar com ele, sugerindo até money matches. O que me lembra, de tarde ele tinha feito a mesma coisa com o Marlin Pie, naquele mesmo quarto. Ele claramente queria melhorar no jogo, mesmo que às custas do próprio dinheiro, e como essa vontade é uma coisa que todos na comunidade conhecem e respeitam, ao longo do fim de semana ele foi conquistando muitas pessoas. Ele me diz pra experimentar a mistura que eles fizeram, e eu peço pra ele me ensinar como fazer. Com um copo na mão, fico conversando com pessoas de canto enquanto olho as partidas e vejo as interações. O LK muito animado por ter ganho MB mata um com o super da bicuda da Mitsuru e começa a chutar o ar, pra logo em seguida falar de como ele gostaria de tocar o cabelo da Mitsuru. Alguém pergunta se só o cabelo e ele responde que obviamente mais, mas o cabelo em especial, provando que é um cara extremamente anime e claramente bêbado. Teve até uma partida de Darkstalkers entre o ZomB e o LK. Em algum ponto recebemos reclamações do Hotel por questão de barulho, mas fora isso a noite foi bem divertida e eu acabei me aconchegando na cama enquanto o resto do pessoal jogava e saía em grupos pra comer alguma coisa de madrugada. A minha pool (e a do Shyn) era a primeira às 10h da manhã, enquanto a de todo o resto era mais tarde =T

Sábado - Persona

Ok, crianças, agora vai uma dica que eu aprendi no Final Round. Sempre tire um tempo pra aquecer no jogo antes das partidas do campeonato, especialmente se você está jogando vários jogos no mesmo dia. Sério.

Eu acordo umas 9h e vejo o AxisTheBeast dormindo embaixo da bancada da televisão. Sem brincadeira. Fiquei com pena do cara e acordo ele pra dizer pra ir dormir no meu lugar na cama. Depois eu ia ficar sabendo que ele tava sem lugar pra dormir no campeonato lol. Enfim, procuro a sala do Persona e minha primeira luta era contra o Abegen (sim, aquele mesmo). Ele escolhe Kanji e eu lembro da minha derrota pro Pandaum no farofa na semana passada. Diver. Deu pra ver que o cara era uma fraude completa, farofava muito  DP, e foi assim que ele me ganhou. Eu errei um combo básico de OMC do Yu justamente quando punia um desses DPs, e alguém atrás de mim falou "You done fucked up". Ah, eu não podia deixar de levar o clássico super do agarrão depois do DP defendido, é claro, além dos YOLO dives enquanto tentava caçar ele no ar. Que personagem idiota. Eu podia ter ganho sem muito esforço se estivesse um pouco mais aquecido, mas enfim, assim é a vida.

Fico esperando minha outra partida pra poder encerrar pro almoço, e o TO fala que seria eu e o Shyn no stream. Ele tinha perdido a partida dele também e parecia meio nervoso. Como eu tinha jogado com ele no outro dia eu sabia mais ou menos o que esperar, e assim me peguei pensando no que eu ia almoçar. Apesar disso, eu ganhei. Difícil dizer o que foi, mas ele estava um pouco afoito demais pra quebrar minha defesa e/ou baitar DPs, apostando muito em SB Raging Lion e AoA durante as investidas, e pra grande surpresa de todos na sala, incluindo eu, eu estava defendendo tudo. Quando ganhei a primeira partida eu estranhei e falei "C'mon Shyn, this should be easy" na tela de personagens e ele assentiu. A última jogada do round final foi ele tomando fatal counter por ter tentado fazer qualquer coisa no frametrap de 5C 2C no canto, e eu capitalizei em um loop de raging lion terminado em Cross Slash. Ele me cumprimentou e saiu da sala, e eu fiquei meio triste porque justamente no dia anterior ele tinha me falado de como queria chegar no top8 pra mostrar que a região central também tem bons jogadores, apesar de ninguém dar muito por ela. E eu tava torcendo por ele pra ser sincero, por ser gente fina e um jogador de Yu também. Além disso, ele tinha chance de sair das pools enquanto eu tinha completa certeza de que não ia.

Minha outra partida também foi no stream, contra o LudwigVan, jogador de Naoto, e eu não lembro de absolutamente nada fora o fato de eu ter perdido. Antes da partida começar, sentado ao lado dele eu comentei que achava legal ele jogar de Naoto, eu gostava do personagem e se não fosse tanto trabalho eu até jogaria com ela. Depois de perder eu sentei pra ver algumas partidas e noto o Abegen do meu lado, começo a puxar conversa e começa uma troca meio em inglês, meio em japonês. Digo como eu gosto do time e do estilo de jogo dele no Marvel, e ele me explica que o foco dele são jogos da Arc como Guilty e Blazblue, mas que ele gosta de Marvel e esperava se sair bem no campeonato.

- I'll be cheering for you.
- Eh?
- Ouen shiteimasu.
- Ah! Thank you!


Infelizmente eu não me achei no stream quando fui procurar depois, provavelmente o que aconteceu é que a instabilidade na internet (4G) tenha criado várias transmissões pequenas que não foram salvas. Logo depois o Blue chegou na sala e me convidou pra ir almoçar, chamamos o LKG que estava de bobeira por ali também e fomos no Wendy's que é a franquia de fast food preferida do Blue. E foi onde encontramos outros [s]gordos[/s] jogadores como o ZomB, o Reptar e o Setsuna, sentamos juntos e comemos falando bobagem. Foi onde eu vi algo que me deixou abalado até hoje. O Setsuna é louco pela Kirino (Oreimo) e tinha um bottom dela em que ela tinha um stick nas mãos. Stick com uma foto dele (Setsuna) na estampa. Talk about waifu meta. Na volta a pé encontramos outros grupos indo almoçar no caminho.

Marvel

Minha pool do Marvel começava às 14h e eu fui pro salão jogar. Minha primeira partida foi contra um cara chamado Full Schedule, cujo nome me era familiar, provavelmente apareceu em algum stream por aí, mas não era ninguém famoso. O cara jogava com Viper/Doom/Ammy e simplesmente me destruiu, sem meias palavras. Travava meu point com movimentação e assist, mixup high/low de marvel, matava e depois setups de unblockable nos outros dois personagens, e eu não sabia me defender disso. Três partidas simples assim. Isso me fez repensar minha opinião de que é bom participar de todos campeonatos que tiver chance, porque foi uma experiência bem desagradável. E novamente eu recomendo que sempre aqueçam antes das partidas oficiais, especialmente se não tocaram no jogo recentemente. Eu até tinha intenção de jogar um pouco de Marvel no evento, mas nas horas que eu fui procurar casuais estava tudo lotado, e o que eu queria era basicamentre relembrar uns combos, não ia ser bem visto travar a fila enquanto eu pedia pro outro jogador esperar um pouco. Meu segundo oponente no entanto não tinha um time que faz um jogo tão unilateral, e pasmem, eu quase ganhei uma das três partidas!

Enfim, voltando pra sala do Persona fiquei vendo o campeonato com o resto do pessoal, até que o MadScientist sugeriu da gente jogar Melty, e pedimos permissão pro pessoal da sala pra usar uma das mesas que tava livre ali pra botar os notes e jogar. Foi assim que isso aconteceu:


Da esquerda pra direita e do fundo até a frente: ShinsoBeam, Butterfree/VietGeek,
Arimakun, Ian/DarkFlameMaster, Malik, ??? (pessoa escondida), Shadow e eu de costas jogando com o
MadScientist (notem o teclado) - foto tirada pelo Voomer.

 
Deu pra jogar várias partidas partidas com o pessoal e ver que muita gente tinha um bom nível, e como todo mundo joga diferente em campeonatos. Infelizmente não consegui jogar com todos que estavam ali. No top8 de Persona a gente parou de jogar e ficou vendo as partidas, aconteceram algumas entregadas e outros jogadores jogando abaixo do esperado por causa do nervosismo. No fim, foi Lord Knight contra uma Chie, e puta que pariu, ele foi defendendo na maior os mixups, apesar de ter levado bracket reset se recuperou e levou o campeonato, subindo na cadeira e pedindo cantos de "USA! USA!". Ah sim, toda a vez que ele dava Bufudyne os caras gritavam "Ice Mountain!", embora eu não tenha entendido por que lol.

Logo que encerraram tudo, o MadScientist convidou a gente pra ir jogar no quarto do ComicZ, onde eles estavam jogando KOF 2001 e uns jogos estilos BishiBashi!!! Eu chamei o ComicZ de infidel porque ele parou de jogar de Miyako. Joguei bastante com o Mad, o Voomer, o Sushii e o DarkFlameMaster, que tinha uma F-Akiha excelente, perguntei por que ele não estava no top 8 de MB e ele me disse que foram os nervos. Mais tarde quando eu voltei pro quarto o pessoal tinha acabado de fazer as rodadas do "Game of Death" e a grande maioria estava bêbada jogando Persona.

Explicação do game of death: dois competidores começam uma partida de Art of Fighting 2 ou [insira outro jogo aqui], cada vez que um deles é derrubado ele precisa tomar um martelinho de X-factor (uma mistura de bebidas, tive a chance de provar e achei muito bom). As consequências de ser desafiado pra um jogo desses são sempre catastróficas pra ambas as partes.

Uma das vítimas do jogo foi o DCwastaken que estava ameaçando bater em todo mundo do quarto. Provavelmente por causa da bebedeira o pessoal estava fazendo barulho demais, e a gerência do hotel já tinha mandado duas vezes um funcionário pedir pra baixar a bola ou iam ter que tirar todos do quarto. Tinha cerca de 15 pessoas lá se não me engano. O Axis mostrava um fighter hentai pro Reptar. Então alguém saiu e voltou do quarto e falou que tinha um funcionário parado do lado de fora, supostamente só esperando mais uma reclamação para correr com todo mundo. Foi então que o LKG sugeriu parar com tudo antes que desse merda, e foi o que decidiram. Depois ficou basicamente só o pessoal do quarto e o Axis ali, o grupo do "centro oeste", e eles começaram a discutir sobre a situação da região depois que alguns deles deles (como o Axis) chegou no top8, e como eles queriam se esforçar mais na próxima vez pra serem reconhecidos. Eu passei o tempo todo escutando a conversa deles como se nem estivesse ali, e foi testemunhar ela que me motivou a tentar levar Persona a sério, apesar de todos os problemas que eu via no jogo. Aproveitei pra agradecer ao Miller, Shinsyn e Axis por terem oferecido o quarto e tudo o mais, e eles disseram que foi um prazer e que grande parte dos eventos são sobre "dar um rolé" com as pessoas, e nem tanto sobre os campeonatos e jogos em si. Mais tarde alguns poucos que estavam no quarto antes voltaram, e as partidas de Persona recomeçaram até o pessoal resolver dormir. Eu juntei a poltrona com o descanso para pés para formar uma espécie de mini-cama e apaguei encolhido num cobertor.

Domingo

Nenhuma obrigação no dia além de conseguir jogar umas partidas com algumas pessoas antes delas irem embora, então acordei tarde. Andando pelos corredores, salão principal e a salinha de GG fui encontrando um pessoal e chamando pra almoçar. Cada pessoa que você convidava saia pra chamar mais gente, aí todo mundo esperando alguém até que notamos que estavam todos ali e fomos almoçar lol. Enquanto isso o Silent Shinobi usava o wi-fi do lugar pra ver stream do top8 de Street Fighter, e usaram splitters de som pra ligar os fones de todo mundo.


Chamaram isso de "ultimate mobile stream monster experience".



Da esquerda pra direita: Bluelink, Sushii, Voomer, Psykotik, Bill307, SilentShinobi, MadScientist, Ian/DFM
 
Na volta fomos pro quarto do Silent Shinobi pra jogar já que ele ia embora logo em seguida. Deu pra jogar um pouco mais de MB com a galera, inclusive testando subs e pocket chars. O pessoal de Toronto também ia embora, no fim sobramos só eu e o Voomer, decidimos comer de graça na sala de café do andar executivo (coisa que só descobrimos que tínhamos direito no último dia) e voltar pro quarto - aka quarto do Persona. Algumas figuras ilustres como o GenericSuperhero e o jogador de Liz da Venezuela(?) apareceram por lá. A noite ainda foi animada por conta do álcool e das pessoas que iam embora só na segunda. Quando convidei o Generic e o Voomer pra jogar no meu netbook, algumas pessoas se impressionaram por ter gente jogando Melty e eu falei "Yeah, NOW this is an anime room!". Enquanto jogava escutei de canto de ouvido a discussão do Reptar e do Amaddeous sobre quem amava mais a sua waifu. O Amaddeous saiu vencedor com argumentos como "eu comeria a merda da Jam" e "se eu tivesse uma namorada eu gritava o nome da Jam enquanto comia ela", e em certa altura ele botou um papel de parede da Jam no PS3 e tentei beijar/lamber a bunda dela, segundo dizem. Eu perguntei pro Generic se eu realmente estava escutando direito e ele disse que isso era normal. Ele e o Voomer jogaram mirror matches de Nero que foram muito divertidas de ver, por incrível que pareça. Mas, é claro, muita gente ia embora na segunda de manhã e tinha que ir se arrumando. Assim, o domingo acabou num tom meio triste de despedida, ou para alguns com promessas de se ver de novo no próximo grande evento.

Segunda

Assim, sobramos só nós e o Miller no quarto, e ele se mandou logo cedo de manhã. Eu e o Blue fizemos checkout e ficamos esperando no lobby do hotel enquanto ele decidia se ia embora comigo ou se ia ficar mais uns dias. Nisso eu avistei o Sp00ky conversando com o Markman e outros caras na nossa frente, e fiquei pensando se ia falar com ele ou não, já que eu não sou muito de tietagem ou ficar pagando pau e não tinha falado com ninguém famoso até então por mais que esbarrasse com eles pelo corredor, salvo o Combofiend no primeior dia. Decidi ir lá dar um oi rápido. Me meti na roda pra cumprimentar ele, e falei sobre como eu acompanhava a cena americana de Melty desde 2010 e que era uma honra conhecer uma figura que fez tanto pela cena como ele. Por um segundo ele não me reconheceu, até eu falar que era eu que ele tinha visto jogar a final contra o Lord Knight antes das partidas do chefão final. Ele era muito gente fina, disse que adorava o jogo e tinha muita saudade de jogar, tinha algumas horas antes do voo sair e perguntou se eu tinha o jogo comigo pra gente jogar. Enquanto copiava o jogo pra um pendrive pra jogarmos no notebook de 17' dele, ele foi me mostrando uns vídeos antigos de Melty que estão até hoje no canal dele do youtube (Team Sp00ky), com tecnologias pra V.Sion, que era o personagem que ele jogou por um bom tempo. Me contou altas histórias, como a vez que ele foi pro Japão jogar na SBO e só não ganhou do Kubo (o top player da época) porque a versão de arcade tinha um bug que ferrou o combo dele (não lembro exatamente do que se tratava agora). No meio das partidas entra o Chris G na sala e comenta que também gosta do jogo e gostaria de poder jogar. Mas tudo o que é bom acaba rápido, e logo a gente se despediu pra ele ir pegar o avião dele. Eu e o Blue ainda almoçamos no mesmo restaurante do domingo (que servia porções cavalares de comida btw, comemos que nem porcos) e então ele me acompanhou até o aeroporto, onde sem querer fiquei encarando o Ryan Heart enquanto ele passava pela gente, até que ele resolveu me cumprimentar e por reflexo eu cumprimentei de volta lol. O Blue decidiu enfim que ficar mais uns dias, e eu decidi voltar pra casa já que estava cansado e já tinha gasto bastante dinheiro. =x

E com isso encerro minha narrativa. Foi ao todo uma experiência muito legal com vários acontecimentos marcantes, incluindo uma acidental boa classificação no campeonato quando na verdade eu só queria competir em um lugar diferente, pra conhecer e jogar com gente nova, algo em que eu tive sucesso ao longo do fim de semana do evento. Pra quem gosta disso e tem a oportunidade, recomendo que planeje uma viagem pra um evento que tenha seu jogo do coração, nada é mais recompensante pra um jogador.

_________________
Faça o que você pode, domine o que você faz.

Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado





MensagemAssunto: Re: Minha passagem pelo Final Round   Hoje à(s) 15:26

Voltar ao Topo Ir em baixo
 

Minha passagem pelo Final Round

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
 :: Melty Brasil :: Classic Home Evening Party-